segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Trabalhadores da Estrada Boiadeira recebem orientação sobre animais peçonhentos

A atividade realizada pelo Programa de Educação Ambiental (PEA), desenvolvido pela UFPR/ITTI, tratou ainda da leishmaniose e homenageou os participantes


Os animais peçonhentos, como cobras e escorpiões, foram tema da atividade desenvolvida pelo Programa de Educação Ambiental (PEA), do projeto “Estrada Boiadeira- Sonho que se realiza”, com trabalhadores do Lote 2 da BR-487/PR, em Tuneiras do Oeste.
A bióloga Danielle Tortato apresentou aos funcionários Iccila Engenharia os animais peçonhentos que estão presentes na Reserva Biológica das Perobas, que é. “A informação sobre animais peçonhentos é muito importante para alertá-los sobre os riscos da região e evitar acidentes, além de passar informações básicas sobre como proceder em caso de acidentes com esses animais”, explica Danielle.

Cuidados
Nos últimos meses a Secretaria de Saúde de Campo Mourão recebeu diversas reclamações sobre casos de escorpiões pela cidade. Para se evitar acidentes é preciso seguir algumas dicas. “Primeiramente, o trabalhador deve se estar sempre atento, utilizar os EPI´s adequados para cada função e local; não manter lixo e entulhos espalhados pelo local de trabalho, pois eles atraem diferentes tipos de animais peçonhentos e, principalmente, quando avistar um animal peçonhento, vivo ou morto, manter distância”, explica Danielle.

Leishmaniose
Durante a atividade também reforçada a gravidade da leishmaniose, doença transmitida pela picada do mosquito-palha. Os trabalhadores receberam, novamente, informações sobre a transmissão e prevenção da patologia e receberam uma cartilha produzida pela UFPR/ITTI. “Quanto mais a população conhecer a doença, mais ela poderá ser evitada, diminuindo o número de pessoas infectadas”, explica a bióloga.

Homenagem 

Ao final da atividade, o projeto “Estrada Boiadeira- Sonho que se realiza” ofereceu aos trabalhadores um bombom e um boné do projeto como uma homenagem simbólica ao Dia do Trabalhador da Construção Civil, comemorado dia 26 de outubro. “Ações como essa, de presentear e relembrar o valor do trabalhador, nos incentivam a continuar firme e fortes na construção da Estrada Boiadeira. Fiquei muito feliz com a homenagem”, cita a apontadora Ana Paula Galdino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário