terça-feira, 11 de junho de 2013

Mais de 3,7 mil pessoas participam de atividade sobre Leishmaniose em Tuneiras do Oeste



O Dia do Desafio, no dia 29 de maio, levou 43% da população de Tuneiras do Oeste para a praça principal da cidade. Em parceria com o Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio) o Programa de Educação Ambiental (PEA) da UFPR, através do Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura (ITTI), realizou atividades sobre a Leishmaniose, doença infecciosa causada por picada de mosquito. Cerca de 3.750 pessoas participaram do evento.

Com a pavimentação da Estrada Boiadeira (BR-487/PR), entre Tuneiras do Oeste e Cruzeiro do Oeste, o trânsito às margens das matas da Reserva das Perobas do ICMBio será ampliado e, com isso, pode aumentar o risco de contaminação por picada de mosquitos transmissores da doença. A Leishmaniose atinge vários órgãos, principalmente o fígado, baço e a medula óssea. Este tipo de doença é mais comum em crianças de até 10 anos, mas pode ocorrer em adultos.

Para evitar a doença, é recomendável usar repelentes e evitar tomar banho de rio em locais onde há presença do mosquito transmissor, conhecido como mosquito palha, tatuquira, birigui, cangalhinha, asa branca, asa dura e palhinha. Este inseto apresenta cor amarelada ou acinzentada e suas asas permanecem abertas quando estão em repouso. Há predominância destes mosquitos em áreas úmidas onde existem muitas plantas.

Durante todo o dia, foram realizadas atividades educativas, por meio de fantoches de dedo e desenhos, que interessaram crianças e também a comunidade local, por serem interativas e com linguagem de fácil acesso.
           


Também no Dia do Desafio, a equipe esteve na empresa que executa obra naquele trecho. O dia começou com 52 trabalhadores participando de uma atividade física ministrada por professores de educação física, em seguida, as professoras Sônia Haracemiv e Liane Barbosa realizaram uma exposição também abordando o tema Leishmaniose.

Clique aqui para ver mais fotos do Dia do Desafio.








Nenhum comentário:

Postar um comentário